26, 27,5 ou 29? Qual a melhor MTB para você?

Certamente, você já se perguntou quais são as reais diferenças dos tamanhos dos aros das MTB? Há diferenças ou é apenas jogada comercial?

Quais as vantagens e desvantagens destes?

 

Para ultrapassar os obstáculos com mais facilidade, o aro maior larga em vantagem. Para manter altas velocidades, também. Mas, o arrasto e a parte de contato com o solo, é maior na 29, bem como o peso da bike – em média 12% mais que outra aro 27,5. Esta, por sua vez, é apenas 5% mais pesada que a aro 26. Um cuidado que deve-se ter em relação às bikes 29 e a postura que o ciclista de baixa estatura fica, pois como o aro levanta a frente da bike, o ciclista mais baixo tende a ficar mais inclinado, o que não é bom.

 

Nas trilhas, a 27,5 se sobressai pois é mais ágil. Se partirmos da bike aro 26 – a bike 27,5 é 2,5cm maior e a 29 é, em média, 6,3cm. A bike 27,5 acelera mais rápido que a 26 e que a 29, porém, para manter a velocidade, e a inércia, a 29 é melhor.

 

Importante salientar a geometria dos quadros. É muito difícil encaixar um quadro pequeno num aro 29. Com a 27,5, o fabricante tem mais recursos para isso.

 

A parte de transpor obstáculos fica em vantagem nos aros maiores, pois o ângulo de ataque (rampa que se forma entre o pneu e o objeto) nos aros maiores é menor, facilitando a subida nestes obstáculos.

 

As bikes 27,5 levam vantagens, portanto, no menor peso, melhor desempenho nas subidas (já que a área de contato com o solo nas 29 é maior) e também são mais ágeis nas trilhas. As desvantagens ficam por conta da manutenção da velocidade nos estradões. A roda maior leva vantagem em relação a isso.

 

Alguns estudiosos dizem que com o tempo as bikes aro 26 deixarão de ser fabricadas, mas, enfim, antes de fazer sua escolha, colha opiniões dos amigos que já andaram nas duas bikes, faça você um test drive nelas e boas pedaladas sempre!!

 

Se você gostou das dicas do Bike do Sul, não deixe de compartilhar com a galera!!